COVID-19: Novas regras CTT

COVID-19: Novas regras CTT

Os correios iniciaram uma fase de contenção nos seus serviços, não só os
encerrando às 13H30 mas também na forma como passa a distribuir a correspondência.

TODA a correspondência é levada, não há qualquer alteração.

No entanto, relativamente aos registos e registos normais estes serão entregues na
caixa de correio, em que a prova de entrega é dada pelo carteiro que depositou na
caixa postal e assinou.

As cartas com Aviso de Receção, Amarelas, Azuis, Verdes, etc NUNCA são
depositadas nas caixas sem conhecimento do destinatário, ou pelo menos não é
suposto acontecer.

Contudo, agora é o distribuidor postal quem certifica a entrega mas não recolhe qualquer assinatura do destinatário ou do terceiro que se encontre no domicílio do destinatário.

Agora, e por motivos óbvios, (também as transportadoras estão a fazer o mesmo), o procedimento passa por tocar à campainha da pessoa (evitar subir sempre!), pedir o número do CC ou BI, escrever o nome da pessoa que atendeu no AR e depositar a carta na caixa do correio (medidas de segurança para prevenir contágios)

Todas as encomendas ou cartas registadas têm o mesmo tratamento que tinham até então, ao contrário do que tem sido dito, os avisos vão continuar a ficar na caixa de correio para a correspondência ser levantada no dia seguinte! 

Outra alteração significativa tem a ver com as eventuais devoluções de correspondência.

Até aqui, se não estivesse ninguém, era deixado um aviso para levantamento da correspondência em seis dias úteis.
Agora, não é deixado nenhum aviso e a carta é imediatamente devolvida, o que faz todo o sentido, tendo em conta que muitos locais estão fechados ou sem ninguém para receber correspondência.

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *