Diga não à moda de vestir “temas” nos casamentos



A moda está a pegar e cada vez mais temos de vestir “temas” nos casamentos!
Já falei disto no meu Instagram nos stories, e foi bem animado! Podem seguir AQUI, mas agora fica desenvolvido por escrito.

Todos conhecemos algumas superstições que existem no que diz respeito à indumentária que levamos a casamentos!

Diz que se a mãe da noiva for vestida de preto é porque está contra o casamento, uma espécie de luto, vá!

A mãe do noivo não deve vestir branco ou cores claras para não roubar o protagonismo à noiva.
E esta superstição já se estendeu para todas as mulheres:

Não levem vestidos brancos a casamentos!

Usar pérolas no dia do casamento significa que por cada pérola serão derramadas lágrimas de tristeza.

Portanto, estas são apenas algumas das coisas que se dizem e que nos limitam na hora de comprarmos a roupa/acessórios para ir a um casamento.

Mas com estas pequenas particularidades a malta ainda se aguentava…
…a questão é que agora estão na moda os temas ou as cores!

Cada vez mais noivos pedem (ou deveremos dizer exigem) que os convidados vistam um tema!
Se não for um tema tem de ser uma cor!

O que leva alguém a dizer aos seus convidados que todas as pessoas terão de ir vestidas de azul? Ou em tons pastel?
Eu por exemplo, fico péssima em tons pastel!

E para além de já ser difícil encontrar um modelo que eu goste, ainda tenho de encontrar a cor também!
Não pode ser um vestido que me apaixone, porque tem de ser a cor que os noivos decidiram.

E o tema?
É o boho chic, é o campestre informal, é o summer chic pastel, e até já ouvi falar no hippie sofisticado (isso é o quê mesmo?).

Resumindo, o que tenho percebido pelo feedback de seguidoras e amigas que têm passado por isto este ano, é que se não fosse o casamento ter um tema, provavelmente podiam repetir um vestido, ou aproveitar outro qualquer que tivessem comprado em saldos, por exemplo.

Assim sendo, as pessoas queixam-se de duas coisas:
– Gastaram muito para ir a cumprir a regra e com uma coisa que gostassem minimamente
– Já não dá para aproveitar e comprar um qualquer vestido de cerimónia em saldos e guardar até que apareça uma ocasião como um casamento

Por isso, este artigo serve para pôr futuros noivos a repensar caso tivessem estes planos para a sua festa.

Pensem:
– se os convidados gastarem menos dinheiro em roupa, provavelmente poderão dar uma prenda melhor;
– qual é realmente a intenção de ter todas as pessoas vestidas com a mesma cor ou mesmo estilo durante a festa?
– a vossa felicidade passa por uma festa feliz, colorida e com cada um a ser igual a si próprio, ou a estarem todos vestidos de igual?

Fica o desafio de ponderarem sobre este assunto e voltarmos aos casamentos tradicionais, permitindo aos convidados pouparem um pouco mais na vestimenta.

Eu tenho um casamento dia 29 e o vestido foi comprado nos saldos de Janeiro, com 70% de desconto!
Se fosse um casamento com tema ou cor já estava tudo estragado, mas felizmente não aconteceu.

Se gostaram deste artigo, também vão gostar de saber como poupar num casamento AQUI

 

 

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *