Dicas de Poupanças (óbvias) e ambiente

Novo artigo de leitura obrigatória para todos nós que somos poupadinhos 🙂

 

Ter muitos seguidores tem destas coisas. A poupadinha C. a quem muito agradeço, enviou mensagem a dizer que quando se é poupadinho criamos hábitos enraizados mas que realmente nos fazem poupar muito. Vai daí enviou um texto (dando-me liberdade para o partilhar) com pequenas dicas acessíveis a todos nós e no final ajudarão à poupança da carteira e do ambiente, na verdade faço quase tudo isto (na parte dos CTT até os próprios envelopes almofadados costumo reutilizar), por isso achei por bem partilhar estas excelentes dicas! Aqui fica!

 

 

Sou de opinião que uma poupança ( a acumulação do que não gastamos seja de dinheiro ou outros recursos) resulta de várias pequenas poupanças em diversas e diferentes áreas da nossa vida quotidiana. Eu comprava cruzetas ou cabides para colocação da roupa arrumada e alinhada nos armários.

Certo dia, a colaboradora de uma loja perguntou-me se eu queria levar a cruzeta para casa. Na altura aceitei quase por simpatia, porque as tinha em casa. Mas fiquei a pensar: se em todas as compras de vestuário que faço me oferecerem a cruzeta, deixo de comprar este artigo. Então, a partir daí, sempre que compro um artigo deste tipo pergunto se posso ficar com a cruzeta. Reparei também que, em certas lojas, até faziam a separação das cruzetas do restante lixo e perguntei se era para reutilização. Umas vezes responderam-me que sim, noutras que não ou seja a separação das cruzetas destinava-se ao contentor amarelo. Numa dessas lojas pedi umas cruzetas adicionais e até me responderam “Pode levar quantas quiser!”. Conclusão: não tenho gasto com cruzetas e poupo o ambiente de uns resíduos adicionais!

cabides1

Quando compramos calçado, cofrets de perfumes, material informático entre muitos outros artigos estes vêm embalados numa caixa de cartão. Estas também poderão ter uma utilização adicional, evitando-se o custo de compra de caixas plásticas e evitando resíduos adicionais no ambiente. Sendo caixas de cartão, umas são mais resistentes que outras e cabe à nossa imaginação qual a utilização a dar a cada uma. Estas caixas podem ser forradas com papel (de embrulho ou de outro tipo) e combinadas a gosto.

                                                                 caixas sapatos antes caixas sapatos depois 

Hoje em dia voltou a utilizar-se o papel de parede nas decorações das casas. Quem tiver oportunidade pode utilizar restos deste tipo de papel para forrar as caixas maiores e mais resistentes. Se esses restos não resultarem de uma decoração da própria casa porque não pedir a um conhecido ou numa loja? O papel de parede cortado vai para o lixo.

Dentro dos meus armários e gavetas estão muitas caixas de diversas cores e dimensões porque são uma óptima forma de organização: caixas com bijuteria, maquilhagem, sabonetes, artigos de cabelo, etc. Já para não falar em caixas para colocação de brinquedos: legos, loiças de brincar, bonecas, roupas fora de uso, etc.

Já utilizei caixas de sapatos para fazer expedição de objectos por CTT: são uma forma optima de acondicionar objectos, roupa (por exemplo expedição de roupa em 2ª mão em vendas do site OLX), ou outros artigos.

Nos híper e supermercados fazem separação de caixas de cartão para reciclagem. Certa vez pedi umas caixas grandes de cartão num hipermercado para arquivo de documentos. Foi um pedido também simpaticamente atendido.

Uma das caixas que tenho cá em casa tem as embalagens vazias de spray. Existem produtos que têm um acessório para pulverizar (por exemplo: limpa vidros, engoma fácil, etc). Se tivermos este acessório, quando compramos a embalagem seguinte podemos comprar só com tampa e aplica-lo. A embalagem com tampa é mais barata e poupamos. O que acontece quando mudamos de marca (mesmo que temporariamente)? Deitamos o acessório fora e corremos o risco de mais tarde voltar a comprá-lo!… Para poupar um pouco devemos guardar algum tempo estes acessórios e/ou embalagens. Não gosto de ter este tipo de embalagens nos meus armários então juntei-as numa caixa e de vez em quando faço uma revisão. Se verifico que não voltarei a usar aquela marca ou tipo de produto, coloco na reciclagem.

recargas pistola

O ambiente agradece e a nossa carteira também!

Boas poupanças!

 

 

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *