Tatuagem aquarela – Cobri o meu golfinho (e a nova tattoo está linda)

Finalmente decidi-me! Fiz uma tatuagem aquarela e está um sonho!

Sabem aquelas coisas que fazemos aos 18 anos porque achamos que somos imensamente rebeldes?

Pois, eu achei que tatuar um golfinho na omoplata era top, e verdade seja dita, há 20 anos nem toda a gente fazia uma tatuagem.
Lembro-me que a minha tatuagem causou furor na universidade!
Todos os meus colegas de turma queriam ver e todos passaram a querer ter uma também!

Pior, toda a gente dizia que estava lindo!
E na altura estava, mas passados uns anos, e apesar de a ter feito num local que não cansa, só a vejo se quiser, fartei-me!

Principalmente quando me via em fotografias de costas, detestava!
Meti na cabeça que um dia faria uma cover (cobrir/disfarçar uma tatuagem antiga com uma nova) e transformaria este golfinho noutra coisa qualquer!

A primeira vez que decidi realmente fazê-lo foi quando o Isaac nasceu, mas como amamentei até tarde, adiei.
Depois quando já podia fazer, nunca encontrei um estúdio que realmente me transmitisse confiança.
Tanto procurei que entretanto engravidei novamente!

Voltei a amamentar até tarde, mais uns adiamentos.

Estava em conversa com amigos há pouco tempo, tudo malta com tatuagens e falei-lhes das minhas dúvidas!

Mostrei o golfinho e todos me disseram para ir ao La Rose – Tattoo &  Bodypiercing Studio.
Fui à página de Facebook ver os trabalhos, e de imediato tomei a decisão, eram eles.

No dia seguinte passei pelo estúdio por acaso e decidi parar e perguntar o que fariam para cobrir o golfinho.
Eu não tinha ideias, falei com o Fábio e com o Eurico, perguntaram-me se tinha algo em mente, alguma imagem, alguma flor que gostasse…
…mas não, eu não tinha nada, só sabia que queria as iniciais dos meus filhos e que queria tapar o golfinho.

Após algumas opiniões, perguntaram se gostava de tatuagem aquarela!
Nem de propósito, 3 dias antes tinha estado no Pinterest a ver ideias exatamente em aquarela.
Está muito na moda, e são lindíssimas.
Adorei a sugestão, deixei o resto ao critério deles.
Senti-me tão confiante que agendei para a próxima vaga que tinham.
Estava ansiosa!

Quando cheguei o Eurico, que foi quem me tatuou, mostrou-me um pequeno exemplo de aquarela que aprovei.
De seguida, escolhemos as letras e começou a tatuar.

Custou-me muito pouco, sinceramente lembro-me do pequeno golfinho ter doído muito mais.
Não demorou muito, 1 hora e meia talvez e estava pronta!

Quando me vi ao espelho: UAU!

O golfinho tinha desaparecido (quem não sabe que ali esteve um golfinho antes, nunca conseguirá perceber, e quem sabe também não tem tarefa fácil)!

Estou tão feliz com o resultado final!
Não páro de me olhar ao espelho. Tanto é que já estou a pensar na próxima!

Agora entendo quando me diziam que começar a tatuar é só fazer a primeira!
Eu não concordava nada com isso

mas agora que conheci artistas como os do La Rose, não podia estar mais de acordo.

O espaço é giríssimo, transmite tudo de bom, e nota-se que todos ali sabem bem o que estão a fazer.
É profissionalismo puro e duro, e a prova está no sucesso que têm em Portimão e no Algarve.

Na parte do Bodypiercing está a Cátia que é uma querida e que acho que me convenceu a fazer o outro piercing que sempre quis fazer, mas nunca me cheguei à  frente!

Enfim, acho que me vão ouvir falar de experiências no La Rose, mais umas vezes!

Se vivem no Algarve ou  estão cá de férias e querem fazer a vossa tatuagem, o estúdio fica na Quinta da Malata, como quem vem do Continente da V6 e vai a caminho do antigo estádio do Portimonense, é muito fácil de encontrar. Aconselho porque acredito que estarão nas mãos dos melhores se decidirem fazer a vossa.
Também se poupa nas tatuagens, sabem?! Basta fazer com os melhores, o que evitará retoques posteriormente e outras coisas mais.
Ora espreitem os trabalhos deles AQUI.

Quanto à minha tatuagem, adoro que seja abstrata, adoro as cores, essa é uma das características da tatuagem aquarela, acho super diferente do que vejo por aí!
A tatuagem aquarela remete imenso para a questão “o que é que tatuaste mesmo?” A minha resposta é “Tatuei arte!”.

Para mim foi a decisão perfeita, e quando fiz a montagem do antes e do depois, constatei que tinha tomado a melhor decisão de sempre. Amo!

Obrigada Eurico pelo fantástico trabalho, obrigada a todos no La Rose por tudo.

Deixo as fotos do antes e do depois! Digam de vossa justiça, o que acharam da mudança? 

 

Relacionados

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *