Ervas aromáticas – Preservar e poupar

Fartos de usar ervas aromáticas congeladas?
Ou comprá-las frescas e depois acabar por se estragar?

Vejam já o que fazer e tenham sempre ervas fresquinhas em casa!

Comigo o que me acontecia sempre era:
quando precisava delas não tinha em casa, depois quando as tinha não precisava, e quando finalmente precisava já não estavam em condições!

Portanto, o que comecei a fazer foi picar tudo muito bem picadinho e congelar.

Congelo numa caixa hermética e funciona na perfeição, praticamente para tudo, inclusive para:
– polvilhar um prato,
– temperar uma salada,
– pôr em patês,
– na comida entre outras coisas que podemos fazer!

Outra forma de preservar as ervas aromáticas é a que fiz ontem!
Ideal para pôr nos cozinhados, umas ameijoas à bulhão Pato, refogados, massas, o que for, desde que sejam fãs do sabor deixado, não há regras!
Então é assim, piquem as ervas em questão (piquei salsa e coentros separadamente), coloquem em cuvetes de gelo, e ponham um pouco de azeite!
Depois vai ao congelador!
No dia a seguir, retiram das cuvetes e põem tudo num saco!

Pronto a usar nos próximos meses cubos de azeite e ervas aromáticas, sempre que quiserem, fresquinhas e deliciosas, pois claro!

DSC01526 Cópia

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *