Desafios mensais para um ano melhor de poupanças

Aprender a poupar pode ser difícil.
Mas o que é ainda mais difícil é transformar a poupança num hábito diário.
Hábitos não são formados num piscar de olhos.
Na verdade, pode levar até dois meses para que um comportamento se torne automático.
Uma das formas de tornar a poupança divertida e viável com um orçamento apertado é criar desafios todos os meses. O desafio em si irá criar motivação e, por sua vez, transformar regularmente estas ações de poupança em hábitos.
Para atingir este objetivo, criar desafios mensais é uma excelente resposta. Pode trocar os objetivos mensais por outros meses ou alterar, se desejar.
O que apresento é só um exemplo.

Então vamos a isto:

  • Janeiro = Levar o almoço de casa

Já comentei sobre este assunto noutros artigos.

A realidade é que comer fora é bem mais prático…mas não é “prático” para a carteira.
Dedique um mês inteiro a levar TODOS OS DIAS o almoço de casa. E coloque de parte o dinheiro que iria gastar nos almoços fora.

  • Fevereiro = Nada de Comer fora

O desafio de Fevereiro é não comer fora por vinte e dois dias. Fevereiro tem vinte e oito dias, o que significa que tem 6 dias para comer fora, se quiser (como no Dia do Namorados por exemplo).

Para ser bem-sucedido com este desafio, possivelmente irá precisar de pré-preparar refeições semanais.

  • Março = Mês do congelador e despensa

Assim como em fevereiro, onde a pré-preparação das refeições é a chave para o seu sucesso, o mesmo vale para este desafio.
A única diferença é que, em março, estará a criar todas as suas refeições usando somente alimentos e ingredientes que já tem em casa.

O objetivo deste desafio é reduzir o desperdício de alimentos e poupar dinheiro ao fazê-lo.
Confie em mim, muitas pessoas não conseguem perceber a quantidade de comida que já têm em casa. É hora de usar o que tem e criar planos de refeição semanais com base nesses itens.

Mas, como é lógico, isto não implica não ir ao supermercado comprar bens como iogurtes, leites, pão, etc.

  • Abril = Sextas de 20€

O desafio de Abril é poupar 20€ todas as sextas-feiras.

Se 20€ for muito do vosso orçamento familiar, então ajuste para um valor mais pequeno.

  • Maio = 2€ diários

O objetivo deste desafio é poupar 2€ todos os dias durante o mês de Maio, pode pôr num mealheiro por exemplo.

  • Junho = Vender 2 artigos

O objetivo deste desafio é encontrar dois artigos que já não usa e vendê-los para ganhar algum dinheiro extra.

Não importa se vender no OLX ou no Facebook Marketplace. O objetivo é livrar-se de duas coisas que estão a ocupar espaço na sua casa e transformá-los em dinheiro.

Para começar, pesquise o artigo on-line para ter uma boa ideia de quanto vale.
De seguida, escolha a plataforma onde deseja vendê-lo.

  • Julho = Marcas próprias

O objetivo deste desafio de poupança é comprar marcas próprias/brancas quando faz compras.
É tudo sobre como descobrir alternativas acessíveis para os produtos que ama.

O desafio é experimentar coisas novas e mais baratas do que as que compras habitualmente.
Quem sabe, pode acabar por gostar mais da marca genérica.

  • Agosto = Reduzir contas

O desafio da poupança para Agosto é passar a pente fino TODAS as despesas do seu orçamento e diminuir ou eliminar o que puder.

  • Setembro = 10%

Para este mês o objetivo é retirar 10% do seu ordenado assim que o receber para a sua poupança.

Como já referir anteriormente, pode ajustar o montante à sua realidade financeira.

  • Outubro = Faça o seu café 

Para quem bebe muito café, este desafio será difícil de realizar, mas acredite que vai ver os resultados em pouco tempo.
São estes pequenos gastos que fazem o nosso dinheiro desaparecer mais rapidamente pois por custarem “tão pouco” não damos importância ao gasto.
Mas, tal como diz o ditado, grão a grão…e é isto mesmo. No final do mês vão ver o quanto pouparam só por não irem comprar o vosso café.

  • Novembro = Nada de gastos

O desafio da poupança para Novembro é não gastar dinheiro (desnecessário) em rigorosamente nada todas as segundas e quartas feiras do mês.

Se conseguir concluir este desafio, terá concluído oito dias sem gastar dinheiro em novembro.
Mas se quiser tornar o desafio mais interessante, pode sempre acrescentar mais um dia da semana ao mesmo.

  • Dezembro = Faça uma lista

O desafio para Dezembro é sentar e priorizar os seus gastos. Não apenas gastos com presentes. Precisa de pensar em TODOS os gastos durante as férias – comida, gás, decorações, embrulhos, cartões de Natal, presentes, festas de fim de ano, etc.

Faça uma lista das coisas que gostaria de gastar dinheiro durante as férias e, em seguida, priorizar essa lista para se encaixe dentro de um orçamento realista que pode pagar.

O objetivo dos desafios mensais é descobrir os euros que não sabia que tinha e poupar para as coisas que são importantes para si.

Espero que tenham gostado destas ideias e que coloquem algumas em prática!

Se ainda anão me seguem no INSTAGRAM façam-nos agora, porque lá dou imensas dicas destas em direto.

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *